(os homens que amei vivem uma felicidade clandestina)

Nenhum comentário: